Os chamados “irmãos” de Jesus

Faria diferença para você se soubesse com certeza que Jesus teve outros irmãos de sangue? Faria você mudar seu conceito de Maria e de José? Ele seria menos divino por isso? E Maria e José menos puros e santos? O que está por trás da questão dos irmãos de Jesus? Não seria um debate mais profundo sobre a virgindade e o casamento as provas de que Jesus não foi filho único? A igreja ensina que Jesus não tinha irmãos e irmãs de sangue. Judas Tadeu e Tiago, Simão e José e suas irmãs, citados como irmãos de Jesus, eram provavelmente primos.

Por que primos, e não irmãos?

Leia sem sectarismo nem paixão e reflita consultando sua Bíblia. Deixe a sua Bíblia falar. Ela dá a entender que Maria só teve Jesus… Senão, vejamos.

Tadeu se proclama irmão de Tiago (Jd 1,1) e Paulo chama Tiago de irmão do Senhor (GI 1,19). Então os dois irmãos seriam irmãos de Jesus… Só que nem um nem outro podia ser irmão de sangue de Jesus, porque os dois eram filhos de uma outra Maria (Mt 27,56), e o pai deles era Alfeu (Mt 10,3).

Tinham dois irmãos: José e Simão. E as outras irmãs e os quatro, Tiago, José, Simão e Judas são citados como filhos de Maria, mas não a mãe de Jesus (Mt 13,55-56). Então Maria não era mãe de nenhum dos que são apontados como irmãos de Jesus. Eram filhos de Maria, mas não a Maria mãe de Jesus.

Alfeu e Maria de Alfeu eram, isto sim, e garantidamente, os pais de Tiago Menor, José, Judas e Simão (Mt 27,56). E se Jesus não era filho deles, portanto também não era irmão de sangue dos filhos deles. Os mencionados irmãos de Jesus quando muito eram primos. Irmãos é que não eram. Outros nomes, não temos. Se isso não prova a virgindade de Maria, ao menos aponta para o fato de que Jesus foi o único filho dela.

Reflita junto com seus parentes evangélicos que usam esse assunto para combater Maria. A Igreja Católica afirma que Jesus não teve outros irmãos de sangue e se baseia nessas e noutras passagens bíblicas. Talvez fossem primos. Na Bíblia a palavra adelphos (irmão) também é usada para primo. Pela Bíblia, Jesus continua a ser o único filho que Maria teve. Isso também ajuda a entender porque não se fala de outros irmãos dele na ida para Jerusalém quando, menino, se perdeu no Templo. E explica porque, ao morrer, ele confiou Maria, sua mãe, aos cuidados de João Evangelista, filho de Zebedeu. Se sua mãe viúva tinha mais de seis filhos e filhas, por que Jesus iria entregá-la aos cuidados de quem nem era da família? Não tinha irmão com quem deixá-la. Ela ficaria só. Maria só teve Jesus. Ao afirmar que Jesus foi filho único e Maria o concebeu na virgindade, a Igreja crê nos evangelistas. Ao afirmar que ela continuou virgem, apóia-se na tradição que, diante do misteriosíssimo fato de ela Ter sido mãe do Filho de Deus, Maria e José teriam se reservado totalmente para Deus como de resto alguns grupos em Israel já o faziam. Se Maria e José pertenceram a este grupo não se sabe. Não há prova alguma .A Igreja apenas afirma uma tradição. Maria não teve outros filhos. José e ela viveram totalmente para Jesus.

(Autor não identificado)

Leia mais em: http://www.veritatis.com.br/apologetica/maria-santissima/547-quem-sao-os-irmaos-de-jesus

http://www.montfort.org.br/old/index.php?secao=cartas&subsecao=doutrina&artigo=20040729214346&lang=bra

(Este último com uma citação interessantíssima de Lúcio Navarro, em seu livro “A legítima interpretação da Bíblia”).

Sobre Doutrina Católica

O Doutrina Católica é um espaço mantido por fiéis leigos da Santa Igreja Católica. Estamos cansados de tantos ataques externos e tanto desconhecimento também dos próprios católicos, por isso nossa intenção com o blog é divulgar e defender a Igreja Católica. Estamos abertos a discussão e a parcerias, ajude-nos a crescer!
Esse post foi publicado em Apologia, Lições do Evangelho e marcado , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Os chamados “irmãos” de Jesus

  1. Cida disse:

    Muito interessante, ótimo post, vou acompanhar…

    • Muito Prezada Cida, a paz!

      Acompanhe-nos sim, visite sempre nosso blog, mas acompanhe-nos ainda mais em orações, pedindo a Deus por nós e por nosso apostolado!

      In corde Iesu,
      Leandro.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s