Sacramentos – Batismo

Queridos irmãos, a paz do Senhor!

Hoje damos sequência as reflexões sobre os Sacramentos da Igreja. Esperamos que seja útil.  Na semana que vem, tem mais…

Batismo

Doutrina Católica

            O batismo é o sacramento na qual nascemos para a família cristã e para a Igreja, e a porta de entrada para os demais sacramentos. A Igreja celebra o batismo de acordo com a ordem de Jesus  aos discípulos: “Vão e façam com que todos os povos se tornem meus discípulos, batizando-os em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo, e ensinando-os a observar tudo o que ordenei a vocês” (Mt 28, 19-20).  João Batista, primo de Jesus, batizava com água no rio Jordão, e o fazia preparando as pessoas para a vinda do messias (Mc 1, 2s), porém admitia que seu batismo era temporário, pois depois dele viria o Messias que batizaria com o fogo do Espírito Santo.

            Ao observarmos a ordem de Jesus, podemos entender que Ele manda que todos os povos sejam batizados (todas as pessoas) o que inclui as crianças, para que cresçam observando os ensinamentos e mandamentos que Jesus transmitiu aos apóstolos. Podemos, ainda, verificar que Jesus não manda que as pessoas sejam imersas em um rio para serem batizadas, mas simplesmente diz para batizar pelo nome do Pai, Filho e Espírito Santo. Se fossemos batizar em rios porque Jesus foi batizado em um (Mt 3, 13-17), e porque João Batista assim o fazia, teríamos de ir todos ao Rio Jordão para tal, pois era lá que João Batista o fazia e lá que Jesus o foi. Ou seja, o importante é que se tenha água e que ela seja derramada sobre a cabeça, pois é ela que controla todas as ações do corpo, é lá que temos todos os nossos pensamentos, e definimos nossas ações.

            Com o batismo morremos para o pecado e nascemos em uma vida nova plena de graça, em comunhão com Jesus Cristo, o próprio Deus humanado, e alcançamos a salvação, conforme  o Messias explicou aos discípulos em Mt 16, 16 “Quem acreditar e for batizado será salvo. Quem não acreditar será condenado”. O mais difícil atualmente é as pessoas viverem de fato o seu batismo, pois quando crianças por diversas vezes não recebem a orientação necessária dos pais e padrinhos e quando adultos não tem tempo para Deus. Assumir o compromisso do batismo é dizer ao projeto de amor do Pai, é ser discípulo do Senhor e proclamar através da própria vida a Boa Nova do Evangelho, além do que ao sermos batizados, temos a mancha do pecado original apagada de nossas vidas, e passamos a fazer parte da família cristã e da Igreja de Cristo, sendo que este sacramento abre as portas para os demais, como já dito anteriormente, que são os sinais visíveis da graça de Deus, e nos concede a presença do Espírito Santo em nossas vidas, para que tenhamos forças em nossa caminhada como filhos de Deus, e vivamos de acordo com a sua palavra e vontade.

            A partir do batismo renascemos e podemos alcançar a salvação, conforme está escrito em Jo 3, 1-8:

Havia um homem entre os fariseus, chamado Nicodemos, príncipe dos judeus. Este foi ter com Jesus, de noite, e disse-lhe: “Rabi, sabemos que és um mestre vindo de Deus. Ninguém pode fazer esses milagres que fazes se Deus não estiver com ele”. Jesus replicou-lhe: “Em verdade, em verdade vos digo, quem não nascer de novo, não poderá ver o Reino de Deus”.

            Mediante a importância desse sacramento, pode-se entender a função dos pais de educar as crianças na fé, com ações concretas. Para os padrinhos não é diferente, e com mais responsabilidade ainda, ser padrinho não é apenas presentear mas educar as crianças na fé católica, por isso a escolha dos padrinhos deve ser criteriosa, acima da simpatia e amizade, mas por aquelas pessoas que dão testemunho de vida enquanto cristãos, que por suas ações demonstram serem batizados e que anunciam o tempo todo o plano de amor e salvação que vem de Deus.

            Alegremo-nos por tamanha graça, pois conforme São Paulo nos diz, com o batismo nos revestimos de Cristo (Gl 3, 26-27), e como o atual Papa Bento XVI afirmou “O sacramento do Batismo é o caminho, a ponte que Deus estabeleceu para se encontrar com o homem”.

Anúncios

Sobre Doutrina Católica

O Doutrina Católica é um espaço mantido por fiéis leigos da Santa Igreja Católica. Estamos cansados de tantos ataques externos e tanto desconhecimento também dos próprios católicos, por isso nossa intenção com o blog é divulgar e defender a Igreja Católica. Estamos abertos a discussão e a parcerias, ajude-nos a crescer!
Esse post foi publicado em Doutrina Católica, Sacramentos e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s