Igreja Católica e Ciência

Igreja Católica e Ciência




Introdução

Uma das contradições e questionamentos que enfrentamos hoje é sobre a Igreja ser contra a ciência e diga-se de passagem, esse questionamento é quase certo por parte

dos ateus e agnósticos quando você demonstra que é católico. Porém ao nunca nos ocorrer de pesquisar sobre o assunto podemos correr o risco de cair nos argumentos de ateus (que por muitas vezes são bons e parecem muito convincentes pois estes caíram na opinião popular), porém vamos estudar um pouco deste assunto.

Georges Lemaître

Catecismo da Igreja Católica

Vejamos o que nos diz o Catecismo da Igreja Católica sobre este assunto:

159. Fé e ciência. «Muito embora a fé esteja acima da razão, nunca pode haver verdadeiro desacordo entre ambas: o mesmo Deus, que revela os mistérios e comunica a fé, também acendeu no espírito humano a luz da razão. E Deus não pode negar-Se a Si próprio, nem a verdade pode jamais contradizer a verdade» (30). «É por isso que a busca metódica, em todos os domínios do saber, se for conduzida de modo verdadeiramente científico e segundo as normas da moral, jamais estará em oposição à fé: as realidades profanas e as da fé encontram a sua origem num só e mesmo Deus. Mais ainda: aquele que se esforça, com perseverança e humildade, por penetrar no segredo das coisas, é como que conduzido pela mão de Deus, que sustenta todos os seres e faz que eles sejam o que são, mesmo que não tenha consciência disso» (31).

2293. A investigação científica de base, tanto como a aplicada, constituem uma expressão significativa do domínio do homem sobre a criação. A ciência e a técnica são recursos preciosos quando, postos ao serviço do homem, promovem o seu desenvolvimento integral em benefício de todos. Mas, só por si, não podem indicar o sentido da existência e do progresso humano. A ciência e a técnica estão ordenadas para o homem, a quem devem a sua origem e progressos. Por isso, é na pessoa e nos seus valores morais que encontram a indicação da sua finalidade e a consciência dos seus limites.

2294. É ilusório reivindicar a neutralidade moral da investigação científica e das suas aplicações. Por outro lado, os critérios de orientação não podem deduzir-se nem da simples eficácia nem da utilidade que daí pode advir para uns em prejuízo de outros, nem, pior ainda, das ideologias dominantes. A ciência e a técnica requerem, pelo seu próprio significado intrínseco, o respeito incondicional dos critérios fundamentais da moralidade: devem estar ao serviço da pessoa humana, dos seus direitos inalienáveis, do seu bem autêntico e integral, de acordo com o projecto e a vontade de Deus.

Por isso quando a Igreja diz que Astrologia, Signos, Alquimia, etc são mitos, ela diz com propriedade e embasamento científico, pois houve padres que estudaram essas coisas a fim de compreender o que eram, e ao fazer o estudo científico comprovaram as crendices sem fundamento de um povo.

[…]

Curiosidades

  • A idéia de que a natureza segue um padrão e é possível estudá-los veio da Igreja Católica à séculos atrás, enquanto muitas civilizações que criaram outras tecnologias avançadas para a época não enxergaram isso e se limitaram em seus estudos práticos.
  • A teoria do Big Bang foi desenvolvida por um padre católico chamado Georges Lemaître estudante de física e astronomia ( que ele chamava de “hipótese do átomo primordial“) que posteriormente foi desenvolvida por George Gamow. O asteróide1565 Lemaître foi assim chamado em sua homenagem).
  • Giovanni Battista Riccioli foi um padre e descobriu a difração da luz.
  • Ruggero Boscovich é considerado o criador da física atômica fundamental.
  • Athanasius Kircher é considerado o fundador da Egiptologia (Estudo do Antigo Egito), estudou Alquimia negando seus mitos.
  • Os jesuítas foram os criadores da Sismologia (Estudo dos Terremotos).
  • 35 crateras da Lua foram descobertas por um jesuíta.
  • Os jesuítas foram os primeiros a estudar a influência da Lua sobre o mar.
  • Não houve instituição que mais estudou a Astronomia do que a Igreja.
  • Quem criou as Universidades foi a Igreja, vale lembrar que boa parte das maiores e melhores hoje em dia foram criadas pela Igreja a séculos.
  • Galileu Galilei não foi torturado e nem tentaram matá-lo por discordar da Igreja conforme se criou esse mito. Embora os  homens da Igreja na época tenham cometido erros e discordaram da teoria famosa de Galileu que a Terra Gira em torno do Sol e não o contrário como se acreditava, houve uma razão: Não era possível provar isso com certeza absoluta naquela época e Galileu não teve argumentos suficientemente sólidos (pela limitação tecnológica da época) e os estudiosos quando questionavam sua teoria não encontravam embasamento sólido em vários pontos, como é próprio do método científico até hoje (se você não conseguir uma teoria sólida sobre algo, então é considerado errado até que seja provado o contrário). O interessante é que Galileu era católico. Galileu sofreu prisão por desobediência e por proferir conteúdos contra a doutrina católica.
  • Os monges preservaram escritos muito antigos cristãos e pagãos, além de terem desenvolvido avanço técnico em muitos áreas, como por exemplo na agricultura (irrigação), escrita (criaram a caligrafia que usamos hoje, a pontuação e as letras minúsculas).

Fonte: http://coracaodasalete.blogspot.com/2012/01/igreja-catolica-e-ciencia.html com algumas correções do blog Doutrina Católica.

Sobre Doutrina Católica

O Doutrina Católica é um espaço mantido por fiéis leigos da Santa Igreja Católica. Estamos cansados de tantos ataques externos e tanto desconhecimento também dos próprios católicos, por isso nossa intenção com o blog é divulgar e defender a Igreja Católica. Estamos abertos a discussão e a parcerias, ajude-nos a crescer!
Esse post foi publicado em Aprendendo, História e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s